Cheap Soccer Cleats Michael Kors Outlet Cheap Soccer Shoes Nike LeBron 11 mercurial soccer adidas f5 indoor soccer shoes mizuno soccer cleats soccer cleats 2014 adipure soccer cleats
   

Plantão 24hs

Notícias
Notícias, Serviços, Clientes em destaque, Eventos e Dicas técnicas

Home » Notícias

[ -A  | +A ]
Estabelecimentos comerciais também necessitam de banco de capacitor
15/02/2012

Se você tem um estabelecimento comercial, como um restaurante, bar, mercado, padaria, churrascaria, é bom prestar atenção na sua conta de luz.

As concessionárias de energia passaram a cobrar um tipo de energia que não podia ser medida antes – a energia reativa excedente, ou UFER.

Com o medidor de energia antigo – analógico - só era possível medir a energia ativa, que é responsável pelo funcionamento dos equipamentos elétricos em geral.

Agora, com a instalação de medidores eletrônicos, é possível medir também a energia reativa, um tipo de energia que não gera trabalho efetivo, mas é necessária para magnetizar motores e bobinas.

Elevadores, ar-condicionado, freezers, geladeiras e reatores de lâmpadas fluorescentes são alguns exemplos de equipamentos que consomem este tipo de energia.

Para saber se esta cobrança já está ocorrendo em seu estabelecimento, basta localizar na conta de luz o item: “energia reativa excedente”, ou “reativo excedente”, ou “consumo reativo excedente”, ou “UFER”. É este valor, acrescido de impostos, que as concessionárias passaram a cobrar.

A única forma de eliminar esta cobrança da conta de luz é a instalação de um equipamento chamado banco de capacitores. Ele passa a produzir a energia reativa que os motores necessitam, deixando de consumir da concessionária.

Portanto, verifique se o medidor de energia é eletrônico, e se há um valor cobrado no item “energia reativa excedente” na conta de luz.

 

   

Início | Institucional | Serviços | Fornecedores | Clientes | Notícias | Contato | Eventos | Artigos | Trabalhe Conosco | Controles | Calendário 2013
Todos direitos reservados 2017 Eletromax
Fone: (51) 3475 4700 / (51) 99660 5765 / (51) 99919 8912